Sua vida ainda + completa!


Acesse, Cadastre e Adicione-se!

20 julho, 2015

#Partiu Férias


Quando chega as férias, ficamos sempre preocupados em ir viajar. Para onde vamos?O que vamos fazer?Como aproveitar?Você já pensou em ter umas férias diferentes? 

A nossa colunista Pietra Py preparou 20 dicas de como aproveitar suas férias.

1. Faça um scrapbook da amizade. Você pode fazer isso sozinha ou convidar os amigos. Imprima um monte de fotos e compre alguns adesivos, cola etc (você pode comprar o que precisa na loja de 1,99 ou na papelaria). Se estiver com amigos, peça para trazerem cópias de fotos que tenham. Coma alguns lanchinhos enquanto estiverem fazendo isso e inventem legendas para cada imagem. Não se esqueça de que você pode também usar revistas velhas e desenhar no scrapbook! Use também glitter e/ou adesivos.

 
 2. Faça um picnic. Seja em um parque, em uma reserva ecológica ou no seu quintal, picnics são uma forma divertida de sair com os amigos. Dependendo de onde fizer o picnic, você pode também incluir um tobogã, quedinha de balões de água ou de arminhas de água, especialmente se for um dia quente. Leve um pouco de comida extra e diga a todos para trazerem capas de chuva ou pelo menos trapos velhos e óculos (para que ninguém fique com nada nos olhos) para fazer uma guerra de comida.

3. Vá ver um filme com os amigos. Veja se consegue juntar um grupo de dez ou vinte. Se o cinema for em um shopping, depois de terminar o filme vocês podem ir fazer compras ou comer na praça de alimentação. Grupos menores também são ótimos, mas ir em um grupo maior é uma maneira ótima de juntar todos os amigos fora da escola.
 
4. Vá a um fliperama com os amigos. Veja quem consegue mais fichas. Considere fazer uma competição: defina um limite de dinheiro e a pessoa com mais fichas depois que todos já tiverem gasto o valor ganha uma parte das fichas de todos! Se tiver vinte pessoas participando e todos conseguirem muitas fichas, pense em algum bom prêmio que pelo menos uma pessoa possa ganhar.
 5. Chame os amigos para dormir na sua casa. Façam uma guerra de travesseiros. Assistam filmes de terror, joguem vídeo game a noite toda, conversem, façam maquiagens ... o que quiserem. Vocês podem brincar de “gato-mia” no escuro ou brincar de esconde-esconde. Faça algo divertido! Se tiver reformado seu quarto, pode também aproveitar a oportunidade para mostrar o novo visual do seu quarto.

6. Vá a uma Reunião. Existem vários tipos de reuniões: de anime, de RPG, de temas medievais, etc. Se a reunião que lhe interessar for muito cara ou muito longe, crie uma no seu quintal! Pode ser qualquer coisa que você quiser, como uma reunião de super-heróis, de animais ou de monstros. Chame todos seus amigos para virem vestidos como um personagem.

 
7. Entre para um clube. Entrar para um clube é uma maneira ótima de fazer novos amigos que tenham o mesmo interesse que você. Se não puder encontrar clubes na área que interessem, considere inventar um clube com seus amigos! Você pode convidar novas pessoas para serem membros ou manter só entre vocês.
 
8. Junte-se a um fórum online de RPG. Se você gosta de lobos, pode fazer o papel de um lobo em um fórum de RPG sobre lobos. Isso ou você e seus amigos podem criar um fórum de RPG para esse propósito específico e não tem que ser lobos; pode ser tigres, leões, ursos, Harry Potter, universidade, etc.

9. Vá andar de skate com alguns amigos. Faça isso em um lugar que seja seguro e permitido. Você pode fazer uma área para isso no seu quintal se seus pais permitirem fazer um quadrado cimentado. Você pode fazer rampas para andar. Mas é mais fácil ir a um parque com um lugar específico para andar de skate. Você pode ensinar aos amigos o que sabe e tentar ensinar outros a andar de skate para que possam se juntar a vocês. Vocês podem também escolher alguns juízes imparciais e fazer um concurso de skate.
10. Vá acampar! Convide alguns amigos para ir acampar. Vocês não precisam acampar no mato – se preferir, pode acampar no seu jardim ou até na praia. Se for acampar em um parque ou no quintal, faça um churrasco ou um picnic. Se estiverem acampando no parque, veja se podem pescar se tiver um lago. Se for acampar na praia, certifique-se de poder acampar no lugar escolhido.

11. Limpe seu quarto. Para alguns, isso pode não parecer divertido, mas pode ser transformado em uma atividade divertida, e vai deixar seus pais felizes. Peça aos pais para ouvir música bem alta enquanto limpa para ajudar a motivar.
Faça um concurso com os amigos! Antes de começar, tire fotos de cada parte do quarto, incluindo: o chão, embaixo da cama, o armário, a estante e a cama. Além disso, tire uma foto do quarto inteiro desde a porta. Depois, repita as fotos quando terminar de limpar. Fale para os amigos fazerem o mesmo. Peça a um juiz imparcial para decidir quem fez o melhor trabalho – o vencedor ganha um prêmio! Você pode também colocar as fotos que fez no scrapbook e pode começar a redecorar seu quarto.


Redecore seu quarto. As férias é uma ótima época para se reinventar e ao seu quarto.Considere fazer uma transformação no quarto!

 
Comece arrumando alguns catálogos sobre roupas de cama, tintas, móveis, cortinas e talvez também carpetes e luzes. Veja cada catálogo e recorte o que você gostar mais. Veja se tudo combina junto com as outras coisas que você gostar.
 
Lembre-se de que um carpete novo e armários custam mais do que tinta, roupas de cama e cortinas combinados. Se estiver fazendo uma transformação muito cara, considere comprar em lojas de segunda mão ou brechó para achar armários únicos e baratos. Compre ou pegue acessórios que já tem tipo: pôsteres, fotos, jogos, quadros, pufes, abajures, prateleiras e livros, lixo e o que mais você achar que precisa ter no seu quarto.
12. Escreva um conto. Um conto pode ser curto como 500 palavras ou longo de até 10.000 palavras. Sua história pode ser sobre qualquer coisa que você queira. Peça para um amigo ler seu primeiro rascunho (ofereça-se para ler o dele se quiser!). Depois, peça para um professor ou bibliotecário revisar eventuais erros de escrita ou gramática. Quando terminar, faça um encadernamento e doe para a biblioteca!
13. Faça uma festinha com bar! Sem álcool, obviamente, mas você ainda pode fazer drinks de barzinho sem álcool. Considere fazer um Bloody Mary sem álcool, piña colada, margaritas, etc (bebidas sem álcool que são feitas para ficarem iguais às originais são chamadas “virgens”). Você pode encontrar receitas online ou pedir para seus pais e ver se pode usar copos parecidos com os que são usados em bares. Seja o barman e peça a um ou dois amigos para serem garçons e monte algumas mesinhas com baralho e cadeiras. Coloque amendoins e salgadinhos no balcão e nas mesas.

14. Cozinhe alguma coisa! Todo mundo adora doces, certo? Divirta-se no verão fazendo doces e chocolates! Você pode encontrar receitas em livros de culinária antigos e online. Divirta-se – convite amigos e tirem fotos engraçadas enquanto estiverem sujos de farinha ou chocolate, ou peça uma força para sua mãe.

15. Faça serviço voluntário. Isso não apenas pode ser divertido e agradável e você terá algo para fazer por algumas horas na semana ou no dia, mas isso também vai ficar ótimo no currículo. Um bom lugar para fazer trabalho voluntário é o abrigo de animais ou asilo, mas dependendo de onde você vive, não são as únicas possibilidades.Veja as possibilidades em abrigos de mulheres, de moradores de rua, sopão. Pergunte no seu bairro por onde é preciso de ajuda e ofereça seu tempo e suas habilidades lá. Você pode também fazer trabalho voluntário de limpar um parque ou ajudar um jardim de alguma comunidade, que são maneiras ótimas de ficar ao ar livre no verão!
 
16. Seja um irmão mais velho. Algumas pessoas podem não ter irmãos ou os dois pais, e algumas podem ser crianças órfãs ou precisem de influências melhores. Como um irmão mais velho, você pode ser um adolescente que toma conta de uma criança ou um pré-adolescente como uma boa influência. Você pode fazer o que quiserem, seja uma noite no teatro, no seu restaurante preferido, no parque ou praticar algum esporte. Você pode também tirar fotos e fazer álbum de recortes do seu tempo junto. E, é claro, você pode rir das coisas engraçadas que as crianças fazem.

Se não puder encontrar um programa destes na sua região, pergunte a um professor se eles podem ajuda-o a encontrar uma criança que precise. Não pense nisso como ser babá sem receber nada, mas como outra forma de trabalho voluntário. Você pode acabar fazendo um amigo para a vida toda!Se a criança te convidar para uma festinha de aniversário, vá! Ela vai ficar super contente com o irmão mais velho.

17. Pratique um esporte. Pode ser qualquer esporte como basquete, futebol, natação, corrida, frisbee, queimada, judô, etc.. contanto que você tenha amigos que também queiram praticar. Você pode também se matricular em aulas para certos esportes durante o verão para praticar. Estes são muito importantes se você quer uma bolsa em uma faculdade para praticar esporte ou se algum dia quiser ser profissional.

 
18. Arrume um emprego de verão. Assim você estará ganhando um dinheirinho e estará ocupado. Arrume um trabalho em algum lugar legal. Alguns lugares para considerar são o boliche, pizzaria, sorveteria, shopping, parque de diversões, zoológico. Você pode também tentar fazer um intercâmbio se quiser mais experiência relacionada a uma carreira específica.
 
19. Faça um curso preparatório para vestibular. Se você planeja fazer o vestibular, considere fazer um curso preparatório de férias. Você irá conhecer pessoas novas e melhorar suas chances de ir bem no vestibular!
20. Ajude sua família. Ajude a pessoa que fizer a maior parte de cozinhar e limpar, para que ela possa ter um descanso! Se você tiver irmãos menores, ofereça-se para tomar conta deles por um tempo todo dia para que seus pais possam ter um tempo livres. Aprenda a cozinhar para que você possa surpreender sua família com receitas gostosas e divertidas de inverno/verão!



Caso use alguma das dicas, tire uma foto e coloque a hashtag #RTBGFERIAS, estaremos de olho nas redes socias para ver sua postagem. 
Quem gostou comente. Quem não gostou comente também sua opinião vale ouro para nós.
ESPERO QUE TENHAM GOSTADO MENINAS.
ATÉ A PRÓXIMA! 


By Pietra Py

Redes Sociais

Resultado de imagem para twitter png
Facebook  - Twitter - Google +

 

11 julho, 2015

Como anda o seu humor e as cores que anda usando?

   



A princípio seria uma matéria sobre outono inverno, mas como as estações não estão tão definidas no Brasil, temos dias quentes e ao entardecer a temperatura esfria consideravelmente, resolvemos, falar um pouco das cores,  estilos, combinados com o humor. 


Palheta de cores 



Antes deve responder essa pergunta: Você muda de humor constantemente? Se a resposta for SIM ótimo, significa, que você adora trocar os seus looks. Se a respostas for NÃO ótimo também, porque vamos dar dicas para todos os tipo de situações e humor no seu dia-a-dia. Espero que goste, pois trouxemos os looks do figurino da novela I Love Paraisópolis e seus personagens, para ajudar a atender essa questão da importância de cores.


As cores estão no alimento que ingerimos, nas roupas que vestimos, na casa, no trabalho, etc. A presença de algumas delas induz à alegria e descontração, proporcionando também saúde e bem-estar. Conheça mais sobre o significado das cores nas roupas e os traços da personalidade que podem ser definidos através da cromoterapia.

Propriedades das cores

Vermelho: vitalizador em potencial e estimulante circulatório. Aumenta a produção de glóbulos vermelhos e de ferro no sangue; portanto, é indicado em casos de anemia. Eleva a pressão arterial e energiza o fígado. Não é recomendado usar o vermelho em casos de: febre, taquicardia e pressão alta.



Laranja: desobstruidor em potencial, usado como auxiliar nos tratamentos de pedras nos rins e vesícula. A cor também é recomendada para cistos, nódulos e formações tumorais benigmas. 


É útil na desobstruçao dos vasos sanguíneos e para baixar taxas elevadas de colesterol e triglicérides. Pode ser utilizada como substituto do vermelho, quando este não puder ser empregado. Deve-se evitar aplicar o laranja nos casos de trombose.



Amarelo: estimulante do pâncreas e nervos periféricos. É indicado para diabetes, atrofias nervosas e musculares. Essa cor favorece a digestão, produz efeito laxante e combate os vermes da flora intestinal. Seu efeito terapêutico abrange a pele, favorecendo a manutenção da elasticidade e a cicatrização. Também é recomendada para manchas, cravos e espinhas. Seu uso não é indicado nos casos de infecção, inflamação, gastrite e úlcera.



Verde: possui eleito equilibrador em todo organismo; por isso, pode ser associado a qualquer outra cor para aumentar os benefícios da cromoterapia. Além do efeito terapêutico das demais cores nos órgãos afetados pela doença, a presença do verde favorece uma breve recuperação. É indicado para qualquer problema circulatório e cardíaco, e regulariza a pressão arterial. A mistura do verde com o amarelo forma o verde limão, que favorece a constituição óssea, sendo indicado para a osteoporose. O verde não apresenta nenhuma contra-indicação.



Azul: é a cor de maior número de propriedades terapêuticas. Produz efeito calmante, adstringente e analgésico nos órgãos e sistemas do corpo. É indicada nos casos de pressão alta, favorecendo a coagulação sangüínea, a regeneração celular, etc. Também é recomendada para todas as doenças infecciosas e inflamatórias, principalmente quando acompanhadas de febre. Suaviza a dor em qualquer parte do corpo. Não é bom aplicar o azul durante as cãibras.


Índigo: favorece a drenagem linfática, sendo portanto indicado nos processos inflamatórios. Energiza a área visual e auditiva. É recomendado em qualquer problema dos olhos e ouvidos. A cor índigo não apresenta nenhuma contra-indicação.


Violeta: estimula o sistema imunológico. Seu uso é apropriado para todos os tipos de infecções. Promove o fortalecimento do sistema nervoso central, e complicações neurológicas. É recomendado também para tumores malignos. Não há restrição alguma quanto ao seu uso.

Roupas Coloridas



A presença de cor nas roupas influencia o estado emocional da pessoa, promovendo um melhor desempenho na execução das atividades diárias. As cores possuem uma linguagem própria. Tonalidades fortes realçam suas propriedades; as claras são joviais e envolventes; e as mais escuras sugerem isolamento e indiferença.


Optar por cores que sejam opostas a determinado estado emocional negativo é um importante recurso cromoterápico de auto-ajuda. Na tristeza, procure usar cores alegres (tons de amarelo e laranja); no mau humor, vista roupas que sugiram calma e introspecção (azul ou índigo); na indisposição, roupas de cores estimulantes (vermelho ou laranja).


Conhecer as sensações que cada cor de roupa proporciona a quem a estiver usando, bem como àqueles que estão à sua volta, favorece na escolha da roupa ideal para o seu dia, promovendo o bem-estar interior e uma boa interatividade com o ambiente. Vale lembrar que as cores da roupa não se sobrepõem às qualidades da pessoa. Usar uma cor que não-favorável à comunicação, por exemplo, não significa que a alguém perderá sua capacidade de expressão. As cores contribuem para o estado interior, mas não anulam a individualidade.
Vermelhas - São indicadas para pessoas indispostas, desmotivadas e para quem precisa enfrentar exaustivas atividades. Vestir roupas vermelhas em determinadas ocasiões sociais põe a pessoa em evidência, tornando-a atraente e sedutora. As pessoas ansiosas ou que se irritam com facilidade devem evitar essa cor.


Alaranjadas - Sugerem encorajamento e bravura, sendo ideal para os momentos em que é preciso enfrentar grandes desafios, para quando a pessoa estiver se sentindo amedrontada ou deprimida. 


Elas auxiliam na expressão verbal e corporal, despertando o otimismo e a auto-estima. Nos momentos de tensão, que podem ocasionar discussões, não é recomendado vestir o laranja.



Amarelas - São leves e joviais. Favorecem a comunicação e transmitem alegria. São ideais para os momentos de descontração e festividade. Pessoas inseguras e que precisam transmitir confiabilidade não devem vestir o amarelo.
Verdes - Sugerem equilíbrio, ponderação e bom senso, permitindo uma ampla análise da situação. Proporciona serenidade no pensar, evitando o pré-julgamento e as decisões precipitadas. São excelentes para a prática de atividades que exijam precisão. Seu uso é recomendo para quem se encontra agitado, nervoso e estressado. As pessoas indecisas devem evitar vestir o verde.




Azuis - Calma, tranqüilidade e serenidade são os principais atributos da cor azul. Roupas com essa cor são indicadas para aliviar as tensões diárias e os desgastes emocionais. Usar azul sugere uma atmosfera que facilita a aproximação entre as pessoas. As roupas de tonalidades azul-escuro são desaconselhadas para quem apresenta tendências depressivas.



Violetas - Aumentam o poder de concentração, despertam o interesse e suavizam as preocupações, proporcionando paz e elevação. Favorecem no posicionamento perante as pessoas, sendo indicadas para exercer uma função de comando, tomar importantes decisões e manter o controle de uma situação. Desaconselhadas para as ocasiões alegres, descontraídas e festivas.



Marrons - Transmitem firmeza, segurança e maturidade. São excelentes para os negócios. Auxiliam a pessoa a ser mais direta e objetiva, transmitindo seus pontos de vista com mais consistência. Não são recomendadas para os contatos afetivos, como o namoro, nem para momentos de descontração com os amigos.



Brancas - Vestir-se de branco sugere transparência e serenidade nos contatos interpessoais. Os trajes são leves, conspirando pela paz e harmonia entre as pessoas. São indicados para quem se encontra em ambientes tumultuados. Não há inconveniente em se vestir de branco.



Pretas - Suavizam os traços excessivos do corpo, sendo ideal para as pessoas obesas. Sérias e imponentes, promovem uma certa distância entre as pessoas.


 Por um lado, isso facilita imposição de respeito; por outro, compromete a integração entre aqueles que compartilham de um mesmo ambiente, induzindo ao isolamento. Não são recomendadas para a comunicação. Pessoas tristes, deprimidas e com baixa estima, devem evitar se vestir de preto.


A COR PREFERIDA REVELA A PERSONALIDADE



A preferência por determinada cor é decorrente da ressonância energética entre nós e ela. De acordo com nosso estado emocional, vibramos numa freqüência compatível à faixa vibracional do matiz preterido. Uma pessoa triste e depressiva, por exemplo, sente-se atraída pelas cores escuras; já as pessoas alegres e descontraídas preferem cores vivas e estimulantes, como o amarelo, o laranja, etc.
Assim, de acordo com as propriedades da cor é possível compreender algumas características da pessoa. Obviamente, os fatores apontados nesta matéria não representam o ser como um todo, mas sim algumas peculiaridades daqueles que optam por uma das cores apresentadas abaixo. A pessoa que não suporta uma determinada cor, rejeita as características apontadas como preferência, apresentando comportamento oposto ao de quem gosta da cor.


Vermelho - As pessoas que gostam do vermelho são objetivas, extrovertidas, e interagem bem com o meio. São rápidas em seus julgamentos e assumem posições definidas: não gostam de meio-termo. Segurança, autoconfiança, sinceridade e honestidade são os principais atributos de quem preferem essa cor, e geralmente apresentam temperamento explosivo. Possuem traços de liderança. Necessitam estar no controle da situação, podendo se tomar dominadores.


Quem não gosta do vermelho aspira calma e tranqüilidade. Não se sente bem em ambientes agitados; repudia a discussão e a violência. A aversão por essa cor pode também representar frustração e desânimo.





Laranja - A preferência por essa cor revela alguém aventureiro, que gosta de desafios e tem prazer em enfrentar os obstáculos da vida. São pessoas corajosas, arrojadas e destemidas, que não desistem facilmente de um ideal. São ágeis, criativas, extrovertidas e gostam de viver perigosamente.



Rejeitar o laranja pode indicar alguém triste e sujeito a depressão, ou ainda, pessoas que negam seus impulsos mais arrojados e se sentem frustradas e fracassadas.




Amarelo - Descontração, alegria, criatividade e boa comunicação são traços marcantes na personalidade de quem gosta do amarelo. Essas pessoas são colaboradoras, participam intensamente da dinâmica do ambiente.


Não gostar do amarelo significa uma certa aversão à racionalidade. Geralmente são pessoas que se encontram tristes, amarguradas, pessimistas e sujeitas à depressão.



Verde - Aqueles que gostam do verde são ponderados, comedidos e não se empolgam facilmente. São confiáveis e possuem um alto grau de companheirismo. Têm facilidade em idealizar, mas não são tão hábeis na execução de seus projetos. Geralmente se atrapalham e até se perderem quando precisam realizar algo. Apresentam certa subjetividade e não têm muita habilidade para lidar com sua afetividade.




Não gostar do verde representa não admitir o meio-termo, ser objetivo e ter aversão pelas situações indefinidas.




Azul - A preferência pela cor azul é sinal de emotividade. Ternura e afetividade são características evidentes no comportamento de quem gosta do azul. São pessoas colaboradoras e companheiras, que valorizam a amizade e se mobilizam para conquistar a harmonia nas relações familiares e sociais, interagindo muito bem com o ambiente. São serenas e acolhedoras com aqueles que estão do seu lado.



Não gostar do azul demonstra dificuldade de envolvimento afetivo, tendência ao isolamento, egoísmo e depressão.




Violeta - A liderança é um traço marcante na personalidade de quem tem o violeta como cor favorita. Requinte e bom gosto fazem parte de seus hábitos. Essas pessoas possuem uma ótica ampla e profunda acerca das situações, e não se deixam levar pelas aparências. São seletivos na escolha de amigos e não gostam de superficialidade nos diálogos.



Aqueles que não gostam do violeta geralmente são revoltados com o poder, apresentam uma certa rebeldia em relação ao comando e à autoridade, e gostam de transgredir as regras impostas por um dirigente.

Marrom - A preferência por essa cor representa maturidade emocional, objetividade, firmeza nas decisões e solidez naquilo que faz. São pessoas bastante ativas e persistentes que não desistem facilmente dos seus objetivos.




Branco - São pessoas maleáveis e flexíveis. Agem com naturalidade; apresentam delicadeza em seus gestos. Exigem sinceridade no relacionamento, não gostam de situações obscuras. Conseguem manter a serenidade mesmo em momentos de grande turbulência.



Preto - As pessoas obesas geralmente gostam desta cor porque ela suaviza os traços excessivos do corpo. A inibição, o constrangimento e a tendência ao isolamento, podem ser condições de afinidade da pessoa pelo preto, ou ainda, o bloqueio emocional e a dificuldade em estabelecer vínculos afetivos. Por fim, pode representar também a dificuldade de integração com o ambiente e de expor seus mais caros sentimentos.





Página Exclusiva no portal GWC | Girls

Beleza Feminina

Beleza Feminina
Cuidados com as Unhas!

Inverno ou Verão? Agarre seu gato!

Boys

Girls

Revista Teen Boys e Girls

Arrase no Primeiro Encontro

Rumo ao Cabelão

Você é Nerd? Sinta Orgulho Disso

Cabelos III

Cabelos III
Para seus cabelos brilharem mais!

Tipos de òculos

RTBG|Studio

Cosplay, você conhece?

Salto Alto

Saia X Shorts

@RBGBRASIL



RTBG | Acontece

Video Music

Top 10

Revistas RTBG